SÓ 2 DIAS PARA VISITAR LONDRES? NO PROBLEM…

Dicas para extrair ao máximo tudo que a capital inglesa tem a oferecer

Londres está entre os destinos mais visitados do mundo. Atrações é o que não falta na capital inglesa.

Se por acaso você estiver cogitando em conhecer Londres, mesmo que numa passagem rápida, listamos algumas atrações que merecem ser visitadas.

Londres
Crédito: extravagantni/iStockBig Ben, os ônibus de dois andares e as cabines telefônicas, cartões-postais de Londres

Mas é claro que quanto mais tempo, melhor será sua experiência.

Esse roteiro por Londres não precisa ser algo fixo. É apenas o ponto de partida do seu planejamento, você pode fazer suas próprias alterações conforme seus gostos e necessidades.

Sem mais enrolação, vamos lá!

Dia 1
1 – Torre de Londres

Não existe lugar melhor para começar o seu roteiro do que a Torre de Londres, lar das joias da coroa e centro de numerosos eventos históricos.

Londres
Crédito: rabbit75_ist/iStockA Torre de Londres com o rio Tamisa à frente

Hoje em dia, há menos agitação do que no passado, mas você ainda encontrará muitas coisas para fazer, desde ver a coroa do monarca até a exploração da Torre Branca no centro da fortaleza.

Para tirar o máximo proveito de sua visita, o recomendado é chegar assim que a Torre abrir, que é por volta das 9h, e fugir da multidão que quer ver as joias da coroa.

Você provavelmente vai querer passar pelo menos uma hora aqui, talvez até duas. Há muito o que ver e fotografar!

2 – Ponte da Torre

Londres
Crédito: fotoVoyager/iStockA Ponte da Torre (Tower Bridge), a mais icônica de todas as pontes de Londres

Seguindo direto da Torre de Londres, você se encontrará ao lado da Tower Bridge, a mais icônica de todas as pontes de Londres.

Se você quiser saber mais sobre a ponte e não apenas tirar algumas fotos clássicas, visite a Exposição Tower Bridge.

Aqui você pode aprender sobre a história da ponte, incluindo como ela foi construída e como o mecanismo de elevação funciona para permitir a passagem de navios.

Mas o mais emocionante é poder caminhar pela passarela de piso de vidro, uma passagem de 42 metros de altura que testará definitivamente qualquer medo de altura que você possa ter!

3 – HSM Belfast

Londres
Crédito: Baloncici/iStockO navio museu HMS Belfast

Depois de cruzar a Ponte da Torre, você pode considerar visitar o HMS Belfast, que está permanentemente ancorado no Tâmisa a uma curta caminhada da Tower Bridge, na margem sul.

O navio de guerra histórico pertence hoje ao Imperial War Museums. Desde 1971, é uma atração turística popular em Londres, e você pode gastar bastante tempo aprendendo tudo sobre a vida operacional a bordo de um navio de guerra, assim como a história do HMS Belfast especificamente.

4 – The Shard

Para uma vista verdadeiramente espetacular da cidade, você vai querer se dirigir para o prédio mais alto de Londres, o Shard. Este arranha-céu de 95 andares foi inaugurado em 2012, com o mirante aberto em 2013.

Londres
Crédito: mbbirdy/iStockVista do The Shard; arranha-céu se destaca na paisagem de Londres

Do topo você tem uma vista incrível da maior parte de Londres, subindo e descendo o Tâmisa.

Aqui, além da vista, você vai ter acesso a diferentes e incríveis restaurantes como o Aqua, que oferecem a autêntica comida britânica.

Como alternativa ao Shard, você pode querer visitar o London Eye, a mais icônica roda-gigante que existe. Ele pode não ser tão alto quanto o Shard, mas como você está mais perto de Westminster, vai conseguir uma ótima vista das Casas do Parlamento.

Você também pode fazer as duas coisas!

5 – Casas do Parlamento

Londres
Crédito: GoranQ/iStockO prédio das Casas do Parlamento, mais conhecido como Palácio de Westminster.

Depois de visitar o Shard (ou o London Eye), a sugestão é que você siga para a estação London Bridge Tube e pegue a linha Jubilee até o metrô de Westminster, a duas paradas de distância.

Esta é uma jornada de 12 minutos e o único transporte público que você precisará pegar durante o dia.

Você vai se encontrar nas Casas do Parlamento, oficialmente conhecido como o Palácio de Westminster. Esta é a sede do governo na Inglaterra, lar da Câmara dos Comuns e da Câmara dos Lordes, e é onde a política na Inglaterra acontece.

Embora exista a possibilidade de entrar e conhecer o local internamente, recomendamos tirar fotos do lado de fora deste belo edifício, particularmente da Elizabeth Tower, lar do Big Bem.

6 – Westminster Abbey

Westminster Abbey
Crédito: Ziva_K/iStockFachada da Abadia de Westminster

A Abadia de Westminster é definitivamente uma das igrejas mais impressionantes do Reino Unido.

É aqui que acontecem os principais eventos da vida da família real britânica, incluindo casamentos reais (17 até a data) e coroações (a maioria dos governantes britânicos desde 1066).

7 – Churchill War Rooms

Churchill War Rooms
Crédito: VictorHuang/IstockTuristas aguardam para vistar o banker de guerra de Churchill

No último ponto da nossa lista para o primeiro dia está o Churchill War Rooms.

Situado abaixo do coração dos edifícios do governo em Londres, este enorme bunker subterrâneo é onde Winston Churchill dirigiu a maior parte do esforço de guerra durante a 2ª Guerra Mundial.

Dia 2

8 – Palácio de Kensington

Kensington
Crédito: Pat_Hastings/iStockPalácio e os Jardins de Kensington

No seu segundo dia em Londres, vá um pouco mais para o oeste e conheça algumas das atrações da área, começando pelo Kensington Palace.

Intimamente ligado à rainha Vitória, que nasceu aqui, o Palácio de Kensington é uma residência real, desde o século 17.

Hoje, ele é ocupado pelos príncipes William e por Harry e, embora você não possa visitar a Residência Real particular, é possível visitar as Salas do Estado.

9 – Royal Albert Hall

Royal Albert Hall
Crédito: simonbradfield/iStockVista panorâmica do Royal Albert Hall

Do Palácio Kensington, faça um lindo passeio pelos Kensington Gardens até o Royal Albert Hall. Ele foi inaugurado pela Rainha Vitória em 1871 e é nomeado em memória de seu marido Albert, que havia morrido seis anos antes.

Construído como um espaço de entretenimento, hoje o salão é mais famoso por sediar o Proms –uma série longa de oito semanas de concertos de música clássica e eventos.

Ele também hospeda todos os tipos de eventos, desde exibições de filmes até tênis, então sempre há algo acontecendo por lá.

10 – Museu V&A

Londres
Crédito: stockinasia/iStockFachada do Victoria and Albert Museum

Mantendo o tema “Rainha Vitória”, sua próxima parada é um dos museus favoritos em Londres –o Victoria and Albert Museum, geralmente conhecido como o V&A.

Gratuito para visitar (embora geralmente existam exposições especiais por uma taxa), este é o maior museu de artes decorativas e design do mundo, com mais de dois milhões de objetos na coleção que abrange 5.000 anos de existência humana.

11 – Palácio de Buckingham

Continuando seu roteiro depois do museu V&A, a última parada do seu tour é o Palácio de Buckingham. Dependendo da época do ano que você visita, você tem várias opções de horários para ir ao Palácio.

O mais recomendado é ir à tarde, depois de ter visitado todas as atrações do seu roteiro, e terminar o seu dia com essa incrível paisagem.

Palácio de Buckingham
Crédito: johnkellerman/iStockVista do Palácio de Buckingham

Você evitará as multidões associadas à cerimônia da troca de guarda e terá uma experiência muito mais agradável.

Depois de chegar até o final desse roteiro, com certeza você vai ficar com o sentimento de que gostaria de ficar mais tempo em Londres, afinal, ainda existe uma infinidade de locais para serem descobertos.

Mas o que realmente importa é que é possível se apaixonar por Londres em apenas 48 horas, e é isso o que conta.

Você conheceu os principais pontos turísticos, provou da gastronomia britânica e até conseguiu comprar alguns perfumes importados e outros mimos que você queria. Já podemos dizer que sua viagem foi um sucesso!

Fonte: https://catracalivre.com.br/viagem-livre/roteiro-de-2-dias-para-quem-esta-de-passagem-em-londres/

Postagens recentes
Categorias
Tags